Diretor: Vitor Aleixo
Ano: XI
Nº: 541

USCB vai discutir com a CIMBSE descontos nos passes Voltar

As uniões de sindicatos da Guarda e Castelo Branco cancelaram o protesto que tinham agendado para sexta-feira à porta da Câmara Municipal de Gouveia, em que exigiam a reposição do desconto nos transportes públicos no âmbito do PART, Programa de Apoio à Redução Tarifária.

Em nota de imprensa os sindicalistas dão conta de um email enviado pela CIM BSE, Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela, onde é explicado que esta “está a diligenciar junto dos membros do Governo que tutelam a área dos transportes, e em paralelo com a Ministra da Coesão Territorial e respetivos Secretário(a) Estado, no seguimento da reunião do passado dia 02/09/2022 na cidade da Guarda.

Em ambas conversações/negociações, estão refletidas as carências/insuficiências das verbas atribuídas à CIMBSE no âmbito do Programa de Redução Tarifária (PART) e Programa de Apoio à Densificação e Reforço da Oferta de Transporte Público (PROTransP)”.

Na mesma missiva a CIM frisa que “a direção do Conselho Intermunicipal estará disponível para reunir durante o mês de outubro de 2022” com os sindicatos, para “abordagem do assunto dos Transportes (passes) e eventuais esclarecimentos”.

Na nota de imprensa enviada à comunicação social, os sindicalistas frisam que esta resposta “é resultado de uma ação persistente e firme da USCB/CGTP-IN que nunca se calou, nunca desistiu, recolheu assinaturas, solicitou apoio aos grupos parlamentares, fez deslocações à sede da CIM-BSE e a uma Sessão Pública da Câmara da Covilhã e não se limitou a uma mera tomada de posição pontual”.

Frisam ainda que não vão “permitir mais distorções e ou atropelos ao princípio fundador do PART, já que os apoios financeiros do Estado para a redução tarifária se destinam a apoiar os utentes, ainda mais numa altura em que tudo aumenta menos os salários e as pensões”.

- 28 set, 2022