Fundadores: Vitor Aleixo e Ricardo Tavares
Diretor: Vitor Aleixo
Chefe Redação: Ricardo Tavares
Ano: XI
Nº: 499

Figuras do Associativismo Covilhanense: Aníbal Tacanho Saraiva por Miguel Saraiva, fundador do site historia do SCC Voltar

Aníbal Tacanho Saraiva nasceu em Manteigas a 23 de novembro de 1930 e além de dirigente do Sporting Clube da Covilhã, foi também futebolista do clube. Iniciou a sua carreira nas camadas jovens do Casa Pia, passando depois, já a nível sénior, pela Associação Académica Coimbra e União Desportiva da Guarda, de onde ingressa no Sporting da Covilhã na época 1951/1952. Representou o clube serrano durante seis épocas (1951/1957), realizando 31 jogos no Campeonato da 1ª Divisão e 6 jogos na Taça de Portugal. Aníbal Tacanho Saraiva jogava preferencialmente a defesa direito, mas também desempenhava funções no meio campo e nos extremos, destacando-se pela rapidez das suas desmarcações e pela capacidade técnica diante dos adversários. Na época 1957/1958 ingressa no Grupo Desportivo Covilhanense, assumindo o cargo de treinador/jogador. Posteriormente, como diretor do emblema serrano, fez parte da Direção do Dr. José Calheiros de 1961 a 1963 como Tesoureiro da Direção, e na temporada 1964/1965, numa altura que o clube atravessava uma crise diretiva e financeira, fez parte de uma Comissão Administrativa liderada pelo Dr. José Ranito Baltazar. Entre 1965/1968 fez parte de diversas direções, sendo o diretor para o futebol, acompanhando a equipa nas mais diversas deslocações. Na época de 1968/1969 fez parte novamente de uma Comissão Administrativa e na temporada seguinte foi Vice-Presidente do Conselho Fiscal, numa direção liderada por José de Sousa Gaspar. Foi também Presidente e fundador do Clube Caça e Pesca da Covilhã. Faleceu na Covilhã a 12 de abril de 2011.

- 12 ago, 2021