Diretor: Vitor Aleixo
Chefe Redação: Ricardo Tavares
Ano: XI
Nº: 527

Serra das Talhadas e Sistema de deteção de incêndios recebem Prémio Autarquia do Ano Voltar

A Serra das Talhadas e a sua oferta na vertente desportiva, paisagística e cultural e o Sistema de Deteção de Incêndios BEE2FIREDETECTION, instalado na Serra das Corgas, garantiram ao Município de Proença-a-Nova a distinção com os prémios Autarquia do Ano, respetivamente nas categorias de Turismo Ecológico e de Aventura e Segurança, Saúde e Proteção Civil – Combate e Prevenção aos Incêndios Florestais. Para João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova, o âmbito destes prémios acaba por estar relacionado: por um lado protege-se a floresta para, por outro, a potenciar do ponto de vista turístico: “é sempre com satisfação que recebemos estas distinções e ainda que estes projetos tenham vertentes diferenciadas tocam-se no que à proteção e usufruto da floresta diz respeito. O sistema de videovigilância enquadra-se na estratégia do Município de encontrar ferramentas preventivas de preservação da nossa mancha verde, cobrindo uma área que se estende ao concelho vizinho de Oleiros e que, desta forma, se encontra permanentemente sob observação. No caso da Serra das Talhadas, tendo como ponto de partida a Torre de Vigia, há toda uma oferta diferenciada assente nos recursos naturais, com apoio do Parque de Autocaravanas do Chão do Galego e da rede de alojamentos locais existentes no sopé da Serra e em todo o concelho”.

A organização, a cargo do Lisbon Awards Group, distinguiu 40 projetos, num total de 11 categorias e mais de 80 subcategorias: o painel do júri foi constituído por Gonçalo Saraiva Matias, professor da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa, Patrícia Coelho, Marketing Director & International Product Development da Control, Paulo Padrão, diretor geral do ECO, Pedro Pimentel, diretor geral do Centro Marca, Ricardo Nunes, Branded Content Diretor da Group M, Miguel Ribeiro Ferreira, CEO da Fonte Viva, e Ana Firmo Ferreira, Founder & CEO do Lisbon Awards Group. Pelo Município, recebeu os prémios a vereadora Catarina Encarnação Dias no dia 8 de junho.

O Município de Proença-a-Nova tem sido distinguido em todas as edições deste prémio: anteriormente foi a iniciativa Ano Municipal da Floresta, que decorreu em 2018, e o Projeto BioAromas LIIS a serem reconhecidos. Este ano, a autarquia decidiu candidatar a Serra das Talhadas considerando que desde que a Torre de Vigia, da autoria do Arquiteto Siza Vieira, foi inaugurada, a 13 de junho de 2021, que este local se tornou um dos mais procurados pelos visitantes no concelho. As propostas de aventura incluem os percursos de BTT Enduro, a Via Ferrata e a Escalada, a que se somam os passeios pedestres; mas podem ser complementados pela simples observação da paisagem a partir dos seus miradouros, da fauna e flora ou do rico património geológico e das obras de arte construídas, como o Farol dos Ventos ou a Menina dos Medos.

No caso do sistema BEE2FIREDETECTION, instalado na Serra das Corgas em novembro de 2021, este equipamento destina-se à videovigilância e deteção precoce de incêndios florestais e resulta de uma parceria entre o Município, a empresa FutureCompta e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Proença-a-Nova. Incluindo três câmaras (imagem ótica, imagem térmica e videovigilância), permite a deteção automática de incêndios e um conjunto de outras funcionalidades que podem ser determinantes no momento do combate ou do rescaldo das ocorrências. Funciona igualmente como um apoio à decisão, recorrendo a inteligência artificial e de machine learning.

- 23 jun, 2022