Fundadores: Vitor Aleixo e Ricardo Tavares
Diretor: Vitor Aleixo
Chefe Redação: Ricardo Tavares
Ano: XI
Nº: 517

Grupo Vitálitas vai investir mais de 1 milhão de euros em Residência Sénior no Ladoeiro Voltar

O Grupo Vitálitas adquiriu o Hotel Idanha Natura, no Ladoeiro, em Idanha-a-Nova, com o objetivo de criar uma residência sénior no concelho.

O investimento situa-se na ordem dos 1,3 a 1,6 milhões de euros e inclui a aquisição e reabilitação da unidade hoteleira, dando-lhe novas funções e respostas sociais.

Numa primeira fase, este empreendimento do Grupo Vitálitas, que tem tido o acompanhamento da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, criará 64 camas e 30 postos de trabalho.

Hélder Gomes, um dos responsáveis deste Grupo, reconhece “o apoio dado pela autarquia ao projeto em curso” e explica que “a opção tem sido, desde sempre, dar resposta às necessidades das pessoas idosas no Interior do país”.

“Vivemos no Interior e, por isso, apesar de convites para desenvolvermos a atividade no litoral, acreditamos que as pessoas do Interior também merecem uma resposta diferenciada, de qualidade e acessível para atender às suas necessidades”, acrescenta Hélder Gomes.

Efetivamente, com 13 anos de atividade no Interior, o Grupo Vitálitas detém sete unidades vocacionadas para acolher idosos nos distritos da Guarda e Castelo Branco. No total, compreende 280 camas, 120 funcionários efetivos e meia centena de postos de trabalho indiretos.

O presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova considera que “o investimento que está a ser feito pelo Grupo Vitálitas é muito positivo para toda a região”. Para Armindo Jacinto, “esta é uma aposta no futuro do concelho que vem garantir mais respostas sociais de qualidade e promover a criação de emprego”.

Por essa razão, o autarca salienta que “a Câmara tem procurado estar sempre ao lado dos investidores, no sentido de ajudar a concretizar investimentos de grande relevância para as populações”.

Neste momento, adquirido o edifício, o passo seguinte é a sua reabilitação, durante os próximos meses, enquanto decorre o processo de licenciamento para residência sénior junto das entidades competentes.

Numa segunda fase, a unidade (que poderá adotar o nome Hotel Sénior Idanha Natura) pretende chegar às 80 camas e contar ainda com apartamentos T0 ou T1 para casais de idosos.

- 18 jan, 2022